Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Melhor Política

Melhor Política

Isto é assim? Em poucas horas 230 pessoas decidem sobre a vida humana ?

Sérgio Guerreiro, 12.02.20

863DDCE0-8A84-4CA5-9AB7-4163908700C2.png

É um tema que merecia e merece, para além de um debate sério, ser mais aprofundado com o máximo cuidado e discuti-lo com a sociedade civil, como fez por exemplo o Partido Aliança que mesmo não tendo representação parlamentar, fez um debate, convidou a sociedade civil e especialistas na matéria e certamente quem ouviu ou quem por lá passou, ficou mais esclarecido. Ou seja, isto é fazer política séria.

Sei que este tema move muita paixões, muitos pontos de vista, uns contra  outros a favor. Não é um tema fácil. E por não o ser, creio que os Portugueses não estão suficientemente clarificados nem muito menos esclarecidos sobre o que vai a votos dentro de dias numa sala com 230 pessoas a discutir Projectos de Lei à pressa em poucas horas.

Fala-se neste País de tudo o que não interessa, todos os dias “levamos” com venturas, com futebol, com o encher chouriços...enfim... Mas que raio que se passa em Portugal?

É já a 20 de Fevereiro que o debate acontece e vai ser discutido os 4 Projectos Lei. Do BE, do PS, do PAN e dos Verdes, e ainda faltará o projecto de Lei do IL que não se sabe como vai ser discutido. Dia 20 veremos se os projectos de Lei são  votados ou não, ou se descem à respectiva comissão sem votação.

Mas isto,  não é nem pode ser assim.

E neste debate no parlamento é espantoso o tempo concedido aos pequenos partidos: 1 minuto para dizer alguma coisa.

Só dizer Exmo Senhor Presidente, Exmos Senhores Deputados, lá se vai o minuto concedido. Isto é uma palhaçada. Um minuto para se dizer o que pensa sobre esta matéria? Isto anda tudo louco.

Não é numa manhã  ou numa tarde em poucas horas, que se pode decidir sobre a vida humana como se fossem debater outra coisa qualquer. As pessoas precisam de ser esclarecidas, informadas e mais que isso, a vida humana e a sua dignidade merece mais que isto.

A forma como o Parlamento trata esta questão, é sintomático da qualidade da nossa Política. Fraca. Muito fraca. Isto é tudo menos dignificar o Parlamento e as pessoas. Isto é tudo menos dignificar a política e a sua função. Depois não se admirem  das taxas de abstenção.

Julgo que não devemos esquecer e devemos  todos também perguntar.

Alguém ouviu a posição do PS e do PSD durante a campanha eleitoral clarificar, falar e debater este assunto que agora se vai votar ? Alguém sabia da posição a tomar ? Ouviram debater o assunto ? Conheçem a vontade dos Portugueses? 

Eu não me lembro de tratem deste assunto em plena campanha.

Podem os senhores deputados ter legitimidade para votar o que quer que seja, mas neste tema, não terão certamente autenticidade política para o fazer. Isto é votar sobre um tema nas costas dos eleitores.

Leiam os programas eleitorais e vejam o que encontram sobre a eutanásia. Nada. Precisamos de mais esclarecimento e de mais debate.

Esta questão mais moral que política, é provável que tenha mais autenticidade se devolvêssemos ao povo a palavra  em tempo útil, como se fez  duas vezes na interrupção voluntária da gravidez. Nem tudo o que legítimo é autêntico.
E nem tudo se pode resolver com uma mera Lei discutida à pressa e a despenalização da eutanásia merece mais que isto. As pessoas merecem mais. É certo que isto é uma escolha de cada um, e por ser uma escolha de cada um, a este assunto deveria ter-se dado mais atenção. E mais atenção seria sermos sérios no debate para podermos escolher, mas sem  debate, sem informação e sem discussão pública e porque não dizê-lo sem conhecer antes de eleger quem agora vai votar as suas posições anteriormente, i.e. em campanha eleitoral, ficando agora claro que assim é votar nas costas dos Portugueses. Por este facto,  assiste aos senhores deputados legitimidade para votarem nesta matéria, mas autenticidade política, estou em crer que é pouca para não dizer nenhuma. Isto não é escolher se o IVA deve ser a 6% ou a 23% 
Porque isto assim é uma palhaçada!

 

 

 

 

 

 

2 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 13.02.2020

    Se discutissem a eutanásia da forma como se discutiu e negociou o IVA da electricidade isso sim, havia informação e de sobra.
  • Comentar:

    CorretorMais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.